Review | A Farsa




Mais um review de livro no site. Dessa vez um que encontrei na seção de "queima de estoque". Será que é bom? Só conferindo o Review para saber!

Durante uma escalada nos Alpes suíços, o cirurgião Jonathan Ransom e sua bela esposa, Emma, são surpreendidos por uma avalanche. Na tentativa de buscar abrigo contra uma tempestade iminente, ela fratura a perna, cai em uma greta e morre.Vinte e quatro horas depois, Jonathan recebe um misterioso envelope endereçado à mulher contendo dois recibos de bagagem de uma longínqua estação de trem. Ao resgatar as malas, ele é surpreendido por dois homens que tentam tirá-las de suas mãos. Durante a briga, o médico acaba matando um deles e deixando o outro gravemente ferido - e só então descobre que eram policiais.


No meio desse turbilhão de acontecimentos, ele jamais poderia imaginar que a situação ficaria ainda pior. Ao abrir as malas, Jonathan descobre estranhos objetos que revelam a verdadeira identidade de Emma: uma agente secreta envolvida em atos terroristas e espionagem internacional.Procurando desesperadamente compreender os fatos e salvar a própria vida, ele se torna alvo de uma perseguição implacável, tomando parte em uma conspiração que coloca em risco a humanidade.Sua chance de sobreviver é descobrir a realidade por trás da enigmática Emma, que, sob a fachada de enfermeira da ONG Médicos Sem Fronteiras, tinha ligações com terrorismo, manipulação de urânio e tentativas de destruição de Israel.

Aclamado pelos críticos como um novo mestre do suspense, Christopher Reich mescla personagens e fatos surpreendentes nesta trama de espionagem cheia de reviravoltas, aventuras e intrigas.

            Antes de partir para as minhas impressões sobre a leitura, uma pequena história. Todo ano crio minha meta de leitura no Skoob com quais livros irei ler - e no final acabo não cumprindo 100% - . Tenho uma lista com os livros que quero comprar na Amazon, quando tiver dinheiro. Mas de vez em quando gosto de arriscar novos autores, para não cair na mesmice literária. E, quando estava procurando um livro na Livraria Atlântica, passei por uma seção de livros em promoção. E acabei achando esse por 9,90! Então, mesmo sem saber do que se tratava, sem ter a mínima noção de quem era o autor, resolvi arriscar. Afinal estava na promoção, claro.
            
Em linhas gerais, o livro gira em torno de uma trama de espionagem, abordando a questão do terrorismo. Um aspecto que merece ser destacado são os detalhes de convenções internacionais sobre extradição, principalmente o conceito de "rendição extraordinária". Para quem nunca ouviu falar, o termo se popularizou bastante durante a "Guerra ao Terror" do governo Bush e consiste basicamente na atuação de forças-tarefas de inteligência (Especialmente a CIA) em território estrangeiro, com ou sem o auxílio de agentes do serviço secreto nacional, as quais efetuam a prisão arbitrária ou captura forçada de pessoas suspeitas de terrorismo e, por conseguinte, transportam-nas para prisões cuja localização é mantida em segredo. Alem disso, o conceito caracteriza também a a captura forçada do suspeito feita por agentes do Estado nacional onde ele se encontra, havendo em seguida a sua entrega aos agentes da CIA, que o transportam para as prisões secretas. 

Veredito:
Quando peguei esse livro, confesso que estava com a expectativa mínima. Nunca tinha nem ouvido falar nesse autor. E... o livro conseguiu surpreender! Apesar de um ritmo extremamente lento no início, o que pode fazer qualquer um desistir, acreditando que se trata de mais um "romance água com açúcar", o autor consegue, com uma série de reviravoltas, mudar totalmente o ritmo dos acontecimentos. De certa forma, "A Farsa" entrou no meu top 10 de livros de espionagem, provando que sim, é possível fazer uma boa trama do gênero com elementos atuais.

Nota:3,8/5

Gostou do Review? Não gostou? Comenta aí
PROXIMA
ANTERIOR
Click here for Comments

0 comentários: